sexta-feira, 30 de abril de 2010

Brasão pegou ar com Bala: ''Ser rei em Pernambuco é muito fácil. Por que ele não foi rei em Minas?''


Brasão, atacante do Santa Cruz que, em menos de dois meses, tornou-se celebridade no futebol pernambucano, com veiculação de diversas matérias tanto na imprensa local como na maior rede de televisão nacional, estilou.
Não aguentou a provocação de Carlinhos Bala (
"Brasão fica fazendo esse migué todo, mas o rei de Pernambuco sou eu") e soltou o veneno: "Ser rei em Pernambuco é muito fácil. Por que ele não foi rei em Minas?". Ele disse isso a toda a imprensa que foi ao Arruda nesta quinta-feira.
"Eu nunca falei nada de Carlinhos Bala, mas agora eu tenho motivo para falar. Ele não foi homem, eu também sou pai de família", criticou o tricolor.
A crítica de Brasão é contundente. Pôs o dedo na ferida de Bala, que, de fato, não foi bem no Cruzeiro e, depois, mesmo tendo muitas propostas para jogar em outros centros, preferiu ficar em Pernambuco, onde é valorizado.
O problema, no entanto, é que o veneno de Brasão atinge a ele próprio, com essa declaração destacada em negrito. Ele, que foi (re)tratado como rei no cenário local, desmerece ao posto que alcançou e fugazmente ocupou. Ele se assume como um qualquer.
Brasão foi coroado no Arruda, sem ser rei. E a coroa já caiu. E, com essa declaração, mostrou que não tem majestade.
Tem que acordar para a realidade, falar menos e jogar mais. Será um jogador muito importante para o Santa Cruz na Série D.
-----------------------
O detalhe é que Carlinhos Bala procurou minimizar a declaração que fez, dizendo que era rei de Pernambuco. "Foi uma brincadeira, coisa de momento, já passou", disse, no CT Wilson Campos, esta tarde. Publicaremos vídeo com Carlinhos Bala em instantes.

Médico acusado de fraudar óbito é investigado por outras 25 mortes

Livro com registros de óbitos é a principal peça da investigação.Americano que forjou própria morte deu golpe de mais de R$ 100 milhões.

A descoberta da falsa morte do norte-americano Osama El Atari no Rio pode revelar um grande esquema de venda de atestados de óbito. Segundo a Polícia Civil, o médico Paulo Alves Viana, acusado de assinar o falso atestado de Osama, também é suspeito de falsificar outras 25 mortes.
O médico foi preso com dois agentes funerários envolvidos no esquema da fraude. O trio usou documentos da funerária Rio Pax, que já é investigada pelo golpe da
falsa morte do traficante Antônio Francisco Bonfim Lopes, o "Nem" da Rocinha, segundo o delegado Robson da Costa Ferreira, da Delegacia de Defraudações.Visite o site do Jornal da Globo
Um livro com os registros de óbitos feitos pelo médico Paulo Viana é a principal peça da investigação da polícia. Em oito meses, o acusado registrou nestas páginas 270 óbitos. Entre eles está o norte-americano Osama El Atari, preso nos Estados Unidos por dar um golpe milionário em vários bancos.
No entanto, um fato chamou a atenção dos investigadores: dez por cento das anotações relatam mortes por problemas cardíacos, todas de pessoas com menos de 40 anos, como a de um jovem de 23 anos, que teria morrido de arritmia cardíaca, e de outro homem, de 34, com insuficiência coronariana.
Os agentes acreditam que pelo menos 25 dessas mortes não aconteceram. Osama El Atari é acusado de ter feito empréstimos bancários fraudulentos equivalentes a R$ 100 milhões. De acordo com as investigações, com o dinheiro, ele comprou mansão e carros de luxo.
Norte-americano confessa crimesNesta quinta-feira (29), o norte-americano Osama El Atari confessou os crimes a promotores responsáveis pelo caso. Ele será julgado em junho e pode ser condenado a até cem anos de prisão. No Rio, o médico Paulo Alves e dois agentes funerários vão responder ao processo em liberdade.
A quadrilha usou documentos da funerária Rio Pax. A polícia descobriu, ainda, que Luiz Rodrigues de Oliveira, o Luiz Maluco, intermediou o contato entre Osama e a empresa que forjou a morte. Luiz Maluco, que tinha quatro passagens pela polícia, foi assassinado um mês depois do falso óbito do americano.
FraudeO delegado Robson da Costa Ferreira disse que ouviu o dono da funerária, que alegou ser vítima de pessoas que usam documentos da funerária indevidamente. Mesmo assim, a empresa será investigada. Os agentes desconfiam, ainda, que a morte de Luis Maluco também esteja relacionada à fraude:
“Através da Interpol, a gente está entrando em contato com o FBI para interrogar o Osama nos Estados Unidos e pode ser que através dele a gente consiga descobrir os demais elementos dessa quadrilha aqui no Brasil. A gente quer saber essa aproximação. Por que ele escolheu o Brasil para praticar essa fraude e se outras pessoas já escolheram o Brasil para a mesma prática”, disse o delegado Robson da Costa e Silva.
Luiz Maluco trabalharia no Hospital Estadual Albert Schweitzer, mas, segundo o delegado, ele já morreu ou forjou a própria morte.O médico e os dois primeiros agentes funerários estavam presos temporariamente, mas foram soltos no sábado (24). O delegado informou que ao término da investigação, a polícia vai pedir a prisão preventiva dos três.

segunda-feira, 26 de abril de 2010

A vida clandestina dos gays de Uganda


País da África deve votar projeto de lei rigoroso contra os homossexuais.Se aprovado, vai promover prisão perpétua e até pena de morte aos gays.


Por duas vezes Warry Senfuka interrompe a entrevista. Na primeira delas apenas olha para a funcionária do hotel que, enquanto limpa uma mesa, tenta ouvir o que ela diz. Na segunda, reclama da insistência da camareira, que continua a prestar atenção na conversa, em um misto de curiosidade e reprovação.
"Não estou confortável com essa mulher limpando aqui toda hora. Por que ela está limpando a mesma mesa duas vezes?", indigna-se Warry.
A funcionária sai com ar de deboche. Só pela roupa de Warry, ela já sabe que trata-se de uma homossexual. Não gosta disso e nem sequer disfarça. Ela faz parte da maioria da população de Uganda que quer a aprovação de um projeto de lei que prevê prisão perpétua e até pena de morte para os homossexuais. O texto, de autoria do deputado David Bahati, tramita no Parlamento desde outubro de 2009 e deve ser votado até o final de maio. Tanto quem é a favor como quem é contra a nova lei concorda que ela exprime a vontade da maioria dos ugandenses. Em fevereiro, cerca de 25 mil pessoas fizeram uma manifestação a favor da lei em Jinja, segunda maior cidade do país, a 87 km da capital Kampala. Eu não quero usar vestido. Quero me vestir assim, com essas roupas", reclama Warry, com calça jeans, camisa social masculina e uma pulseira com as cores do movimento gay. "Aí eles já sabem que sou homossexual e me olham torto. Muitas pessoas já foram atacadas, inclusive fisicamente. Uma vez passei em um bar e um bêbado gritou: 'Vou te ensinar a ser mulher'. Sigo em frente. Mas é claro que esse ambiente de terror interfere nas nossas vidas, não podemos ir a qualquer lugar. Eu só ando perto de casa e do escritório, há muito tempo que não vinha à cidade" Warry participa de uma Organização não-governamental que tenta proteger os direitos dos gays em Uganda e informar sobre prevenção à Aids. Por segurança, a casa que abriga a ONG não tem nenhuma identificação e o acesso à ela é restrito. O motorista ugandense que acompanhava a reportagem do G1 não pôde entrar, a pedido de Warry.Se o projeto de lei for aprovado, a ONG automaticamente cairá na ilegalidade.
"Se a homossexualidade virar um crime, é claro que este tipo de estabelecimento terá que ser fechado. Por acaso você permitiria que houvesse uma organização de ladrões, por exemplo?", compara o Ministro da Ética e Integridade de Uganda, James Obuturo, um defensor da nova lei.
Caso ela passe no parlamento, qualquer pessoa que se declarar gay será condenada à prisão perpétua. Quem tentar persuadir uma criança a ser homossexual será punido com a morte. Os termos do projeto, além de polêmicos, são bastante vagos e subjetivos. Já há uma legislação anti-gay em vigor em Uganda, de 1949, quando o país ainda era colônia inglesa. Ela, no entanto, é mais branda e só prevê prisão com um flagrante do ato sexual.Mesmo assim, na prática os homossexuais já vivem praticamente na ilegalidade. Frank Mugisha, 26 anos, cercou-se de todos os cuidados antes de dar entrevista ao G1. Não respondeu emails e só concordou em falar ao saber que se tratava de um veículo estrangeiro. Mesmo assim, decidiu o local apenas 15 minutos antes da hora marcada. Um hotel no centro de Kampala, onde Frank já estava sentado havia meia hora observando o movimento.
"Preciso ter cuidado do que falo, para quem falo, mesmo que seja por telefone ou por email. Tenho que estar atento, olhar para as minhas costas mais do que qualquer um. Acordo todos os dias sem saber o que realmente pode acontecer comigo. Há lugares que eu evito, porque sei que são muito perigosos para ir. Nunca fui atacado fisicamente, mas já escapei de situações perigosas. É muito arriscada a vida de um homossexual em Uganda. Você não pode andar tranquilo na rua, fazer compras… Fico trocando de casa o tempo inteiro. Onde estou agora é seguro, as pessoas passam o dia inteiro fora, trabalhando, e não têm tempo de se preocupar com a vida dos outros. Mas se perceberem que sou gay, terei que me mudar de novo para minha própria proteção", explica. Frank é um dos líderes do movimento gay em Uganda. Assim como Warry, diz que não consegue emprego por preconceito, embora ambos sejam formados.Apesar da aprovação popular, ele apoia-se na pressão internacional para manter sua esperança de que o projeto não vire lei. O presidente dos EUA, Barack Obama, classificou o texto como "inaceitável e odioso" e países como Suécia e Inglaterra estudam sanções a Uganda caso o projeto vire lei.
"Muitas pessoas em Uganda acham que a homossexualidade é uma doença, que ela pode ser mudada ou curada. Alegam também que é uma coisa que vem de fora, de países europeus, como se alguém nascido em Uganda simplesmente não pudesse ser gay. Sexo, mesmo o heterossexual, ainda é um tabu na África. E aqui as pessoas só olham para o homossexualismo como uma questão sexual, como se fosse apenas isso. Dizem que alguém vira homossexual porque quer ganhar dinheiro fácil ou porque andou com más companhias. Mas eu sou um exemplo de que as coisas não são assim. Fui criado numa boa família, estudei em bons colégios e sou gay. Porque orientação sexual não tem nada a ver com essas besteiras que falam, você simplesmente é assim", argumenta Frank.
Em breve Uganda pode se tornar o quinto país africano com pena de morte para gays, como acontece no Sudão, na Mauritânia e em algumas regiões da Nigéria e da Somália. A perspectiva preocupa muito, mas não é suficiente para afastar Frank e Warry do país. Mudar-se para o exterior é a última opção para eles, já tão acostumados com a clandestinidade.
"Dizem que sou uma das mais corajosas… Se a lei passar serei uma das últimas a permanecer de pé. Vou até o fim. Só saio se as coisas ficarem realmente insustentáveis", promete Warry.

Carro cai após motorista perder controle em estacionamento


Companhia de trânsito do Recife diz que condutor do carro errou manobra.Ninguém ficou ferido no acidente.
Um carro caiu de uma mureta com cerca de três metros de altura após o motorista perder o controle do veículo, neste domingo (25), no Recife. Segundo informações da Companhia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU), o motorista errou a manobra de estacionamento e esqueceu de acionar o freio de mão.
Ninguém ficou ferido, segundo a CTTU. O carro foi retirado do local por um guincho particular. Ainda de acordo com a companhia, não foi registrada infração de trânsito.

Jornal de alunos da USP pede desculpas por texto homofóbico

No novo texto, o autor pede desculpas pelo exagero cometido na ultima edição.


Em São Paulo, estudantes receberam uma nova mensagem, sem identificação do remetente, mas em nome dos editores do jornal eletrônico “O parasita”, que circula entre os alunos da Faculdade de Farmácia da Universidade de São Paulo (USP). Na última edição, o jornal trouxe um artigo que classificava como inadmissível a presença de homossexuais no campus e lançava um desafio: quem jogasse fezes em um homossexual ganharia ingresso para uma festa. No novo texto, encaminhado também ao G1, o autor pede desculpas pelo exagero cometido na ultima edição. Diz que “O parasita” é um jornal de humor e não tem intenção de divulgar mensagens homofóbicas. A pedido da Defensoria Pública, a polícia vai instaurar inquérito nesta segunda-feira (26). A Investigação tentará descobrir quem divulgou o texto, incentivando os ataques a alunos homossexuais da USP.

A Polícia Civil de São Paulo está investigando o caso do jornal universitário que anunciou um concurso de teor homofóbico. O texto do artigo foi assinado pelo pseudônimo "Joãozinho Zé-Ruela" e publicado em "O Parasita", produzido por alunos do curso de Farmácia da Universidade de São Paulo (USP), causando polêmica neste fim de semana na instituição.A "promoção" oferecia um convite para uma festa organizada pelos estudantes para quem jogasse fezes em homossexuais. Além disso, o artigo relatava a expulsão de um casal de gays em um outro evento.Alunos da instituição de ensino demonstraram repúdio à agressão em declarações à imprensa e em mensagens no site de relacionamentos Orkut. O portal "G1" localizou um dos estudantes homossexuais que foram vítimas de agressão. O jovem, que não quis se identificar, afirmou estar revoltado com o artigo e pediu punição para o autor.Como a homofobia em si não é delito previsto no Código Penal, a polícia pode apenas indiciar os suspeitos por incitação ao crime. A Faculdade de Ciências Farmacêuticas disse em nota que não tem relação com o jornal e afirmou que vai colaborar com a apuração do caso.

sábado, 24 de abril de 2010

Antes da bomba, a justiça


Informações seguras dão conta de que o ex- secretário de serviços públicos, Euzébio terá sua inocência provada no caso da ponte. Até o momento ele está afastado de suas funções e mesmo que seja convidado será praticamente impossível aceitar novo convite. Várias pessoas podem estar envolvidas no caso , mas a corda só quer ceder do lado mais fraco, mesmo com essa situação algumas provas da inocência de Euzébio já estão na justiça ajudando a esclarecer esta situação, ele ( Euzébio ) não dormia pensando muito no caso, principalmente quando é acusado de algo que não fez. Vem coisa por aí mas mesmo provando que é inocente perderemos um profissional de qualidade e honesto, diferente de outros que dormem tranquilos fazendo absurdos com o poder que é concebido.

sexta-feira, 23 de abril de 2010

Policiais civis fazem paralisação nesta sexta-feira. Apenas serviços essenciais funcionam

Os cerca de 100 mil policiais civis de todo o Brasil cruzam os braços a partir da 0h desta sexta-feira, numa paralisação de advertência de 24 horas. O protesto visa pressionar o Congresso Federal a aprovar a PEC 446, que cria um fundo nacional para pagamento do piso salarial da categoria. A Proposta de Emenda à Constituição (PEC) foi retirada na pauta na semana passada, mas deve retornar na próxima.Em Pernambuco, a paralisação atinge os 5.589 policiais civis do Estado. Apenas atividades essenciais como as Forças-Tarefas de Homicídio e os flagrantes serão mantidos. Registros de queixa, diligências e intimações só voltam a ser feitos na próxima segunda-feira (26), depois do período de plantão de fim de semana.“Queremos a criação de um fundo como foi criado para a Educação e a Saúde”, explica o presidente do Sindicato dos Policiais Civis de Pernambuco (Sinpol), Cláudio Marinho. O tal fundo garantiria subsídio para os Estados que não tivessem condições de pagar o piso a ser estabelecido.Marinho disse que a categoria é contra outra PEC que causa polêmica em Brasília, a 300. Segundo ele, a Proposta de Emenda à Constituição é inconstitucional por querer estabelecer uma equivalência com o salário dos policiais do Distrito Federal.

Festival de Música e Arte de Garanhuns

O Festival de Música e Arte de Garanhuns (Femuarte) 2010 chega em sua 6º edição. O festival acontece no dia 23 e 24 de abril, a partir das 21h, na Esplanada Cultural da Praça Guadalajara em Garanhuns, totalmente gratuito. Além de boa música, no espaço do evento, o público vai poder conferir a feira de artesanato e se deliciar na praça de alimentação.

A cada noite haverá shows, na sexta dia 23, Gilberto e Banda, L100 e Jota Quest com o show La Plata. No sábado dia 24, Alexandre Revoredo, Valvulados, Anjos Dourados e Fábio Jr com seus Românticos.

O FEMUARTE mudou o formato este ano: não haverá a participação dos artistas que concorriam a premiações, porém a produção do evento informa que no próximo ano voltarão às inscrições normalmente.

A expectativa de público para os organizadores é de 80 mil pessoas nos dois dias do evento. A produção do evento fica com conta da equipe da Bicho Eventos.

Abaixo contato dos artistas: Alexandre revoredo - 87.9993-3226Anjo dourado - carlinhos 87.96270342Os valvulados - paulo 87.9609-2593L100 - 82.9303-5621Jota Quest - 21.9214-9995 (Gabriel).

Santa Cruz perde a segunda para o Atlético-GO e está eliminado



O Santa Cruz até que iniciou bem o jogo mas não foi páreo para o melhor futebol do Atlético-GO. O time goiano mostrou novamente muita aplicação tática e conseguiu a segunda vitória, desta vez por 2x0 e carimbou seu passaporte para as quartas de final da Copa do Brasil. Aos corais resta lutar pelo Campeonato Pernambucano.
Como precisava da vitória, o Santa Cruz começou o jogo tentando assustar os donos da casa. E fez efeito, pois o Atlético mostrou-se nervoso e presa fácil para a marcação coral. Tanto que aos cinco minutos, Joelson entrou pelo meio da defesa e bateu rasteiro para Márcio mandar a escanteio. Um minuto antes Brasão desperdiçara uma boa chance ao chutar fraco e facilitar o goleiro.
Porém, o bom futebol comçou a ruir aos oito minutos. O time goianiense recuperou-se do susto e encaixou melhor sua marcação no meio. Aí a situação inverteu-se e foram os pernambucanos a se complicarem na saída de jogo. Numa delas, aos oito, Márcio Gabriel aproveitou erro de Luiz Eduardo e lançou Juninho, que estava impedido. O Santa voltou a levar perigo somente aos 21. Jackson lançou Joelson mas o artilheiro coral chutou em cima de Jairo.
Depois de um período com cada time levando vantagem territorial, o jogo entrou até em certo marasmo. Os dois times erraram mais do que acertaram, além de o número de faltas ter elevado. Se teve um pouco mais de posse de bola, o Atlético não conseguiu traduzir isso em chance de gol.
Nos 15 minutos finais os dois times procuraram jogar mais do que marcar. E assim, os anfitriões chegaram com perigo duas vezes. Aos 32, Tutti saiu bem do gol e tirou a bola dos pés de Juninho. Apenas dois minutos mais tarde. Tutti salvou novamente em tentativa de Rodrigo Tiuí.
Os dois times voltaram sem alterações para o segundo tempo. E o futebol apresentado seguiu à risca o que aconteceu na maioria do primeiro tempo: jogo truncado e com muitos erros, principalmente na transição do meio de campo para o ataque. Logo aos dois minutos, o zagueiro Luiz Eduardo machucou-se e foi substituído por Gilberto Matuto.
Somente depois dos 15 minutos é que o Dragão conseguiu tocar a bola com um pouco mais de qualidade e levar perigo ao Santa. Aos 20, Juninho recebeu de Marcão e mandou para o gol. Tutti estava batido mas Wellington apareceu meio desequilibrado e conseguiu salvar. Por sua vez, o técnico Dado Cavalcanti tentou dar um pouco mais de criatividade com a entrada de Elvis no posto de Leo.
Três minutos depois, a zaga coral pediu impedimento que não houve de Marcão. O atacante ficou cara a cara com Tutti que, assim como na primeira partida, salvou o tricolor mais uma vez. Ele só não conseguiu segurar o carrasco coral na primeira partida. Róbston, que entrara no lugar de Rodrigo Tiuí aos 19 minutos teve uma falta para bater aos 29. Ele mandou no ângulo esquerdo e fez 1x0.
Sem outra alternativa os pernambucanos foram ao ataque e aos 34 chegaram bem perto do empate. Brasão cruzou para trás e Joelson chutou. Márcio atirou-se na direção da bola e conseguiu fazer grande defesa. O jogo estava aberto mas aos 40 minutos o zagueiro Leandro Cardoso deu o golpe fatal em sua própria equipe ao fazer falta quando Juninho iria marcar o segundo. Foi cartão vermelho direto.
Mesmo com toda disposição ficou complicado qualquer reação por parte do Santa. E numa linha de passe, aos 45, Marcão fechou a conta.
Ficha do jogo:
Atlético-GO: Márcio; Márcio Gabriel, Gílson, Jairo e Thiago Feltri; Agenor (Erandir), Ramalho, Pituca e Elias (Róbston); Juninho e Rodrigo Tiuí (Marcão). Técnico: Geninho.
Santa Cruz: Tutti; Wellington, Leandro Cardoso, Luiz Eduardo (Gilberto Matuto) e Edson Miolo (André Leonel); Goiano, Leo (Elvis), Dedé e Jackson; Joélson e Brasão. Técnico: Dado Cavalcanti.
Local: Estádio Serra Dourada (Goiânia). Árbitro: Jaílson Macêdo Freitas/BA. Assistentes: Luiz Carlos Teixeira da Silva e Adson Márcio Lopes Leal/BA. Gols: Róbston, aos 29; e Marcão, aos 45 do segundo tempo. Cartões amarelos: Gílson, Rodrigo Tiuí, Pituca, Wellington, Goiano, Leo e Luiz Eduardo. Expulsão: Leandro Cardoso. Renda: R$ 78.730. Público: 4.805.

quinta-feira, 22 de abril de 2010

Preso padre de 84 anos acusado de pedofilia em Alagoas


Três ex-coroinhas, que hoje são maiores de idade, confirmaram que tiveram relações com outro monsenhor
Um padre foi preso e outro proibido de sair de Arapiraca, em Alagoas. Eles são suspeitos de abusar de menores.
No depoimento à CPI da pedofilia, o monsenhor Luiz Marques, de 84 anos, negou acusações que lhe foram feitas. "Eu quero dizer a vossa excelência uma coisa: não sou pedófilo",
Mas foi desmentido em seguida pelas imagens de um vídeo em que aparece mantendo relações sexuais com um adolescente. O monsenhor teve a prisão decretada pelo juiz Rômulo Vasconcelos. “O Ministério Público alegando que a expedição recente do passaporte poderia ensejar a evasão dele do distrito da culpa e dificultar a aplicação da lei penal ou assegurar a aplicação da lei penal, eu decretei a prisão do monsenhor”, explica.
Também foram presos o motorista e a secretária do padre, acusados de mentir na CPI, que ouviu 26 depoimentos, em três dias na cidade.O Monsenhor Raimundo Gomes, também suspeito, se disse inocente. Mas três ex-coroinhas, que hoje são maiores de idade, confirmaram que tiveram relações com ele. O religioso está impedido de sair da cidade.
Um terceiro padre da cidade confirmou todas as denúncias à CPI e admitiu o uso de dinheiro dos fiéis para atrair adolescentes. Ele entrou para o programa de Apoio e Proteção às Testemunhas.

Papa garante que Igreja 'atua' em casos de abusos sexuais




O Papa Bento XVI garantiu nesta quarta-feira (21) que a Igreja Católica "atua" nos casos de pedofilia que abalam o clero há meses. Durante sua audiência semanal na Basílica de São Pedro, o Papa se referiu à viagem que fez a Malta no último fim de semana, durante a qual se reuniu com oito vítimas de abusos sexuais em um orfanato católico.


"Compartilhei seus sofrimentos e, com emoção, orei com eles garantindo que a Igreja está agindo" para remediar esses crimes, afirmou Bento XVI. Em Malta, o Papa havia garantido que "a Igreja faz e continuará fazendo tudo o que está em seu poder" para investigar os casos de abusos, fazer os responsáveis serem julgados e "proteger os jovens".
No dia 20 de março, em uma carta remetida aos fiéis da Irlanda, país abalado por um escândalo em seu clero, em um tom muito duro para o episcopado que encobriu os abusos, Bento XVI expressou a "vergonha" e o "remorso" da Igreja frente a esses crimes e definiu "iniciativas concretas" para evitar sua repetição e tentar reparar o mal causado às vítimas.
O Vaticano divulgou no dia 12 de abril em seu site o procedimento a seguir em caso de abuso sexual, cujos culpados deverão ser denunciados, uma maneira de responder às acusações de omissão contra a Igreja.
Os procedimentos aplicados em casos de abuso estão enumerados e o documento de uma página e meia publicado em inglês explica que a denúncia de abusos "às autoridades competentes deve sempre respeitar a lei ordinária".
Além disso, "a diocese local deve investigar cada alegação de abuso sexual cometido por um padre contra um menor. Se a alegação parecer verdadeira, o caso deve ser transmitido" ao Vaticano.
Uma avalanche de revelações de casos de abusos sexuais contra menores cometidos por membros do clero na Europa, na América do Norte e do Sul, com frequência encobertos pela hierarquia católica, sacodem a Igreja há meses. Os casos chegaram inclusive a envolver o Papa, acusado na Alemanha e nos Estados Unidos de ter acobertado esses crimes.

Alexandre Pato e Sthefany Brito se separam, diz jornal



Depois de menos de um ano juntos, terminou o casamento da atriz Sthefany Brito com o jogador de futebol Alexandre Pato. É o que afirma a coluna "Retratos da Vida", do jornal carioca Extra.
De acordo com a publicação, Pato deixou o apartamento que dividia com a mulher em Milão, na Itália, e está temporariamente hospedado num hotel. Já Sthefany está de malas prontas para voltar ao Brasil.
A atriz e o jogador se casaram em julho do ano passado e ofereceram aos convidados uma festa avaliada em R$ 1 milhão no Hotel Copacabana Palace, no Rio de Janeiro. Eles se mudaram para a Itália após o enlace.
Fonte: Diário do Grande ABC

Ibope mostra Serra com 36% e Dilma com 29%



Pesquisa Ibope/Diário do Comércio, encomendada pela Associação Comercial de São Paulo (ACSP) e realizada entre o dia 13 e 18 de abril, mostra que o pré-candidato do PSDB à Presidência, José Serra, tem vantagem de sete pontos porcentuais sobre a pré-candidata do PT, Dilma Rousseff (PT).Serra, ex-governador de São Paulo, tem 36% das intenções de voto enquanto Dilma, ex-ministra-chefe da Casa Civil, soma 29%. Em terceiro lugar, estão empatados o deputado federal Ciro Gomes (PSB-CE) e a senadora Marina Silva (PV-AC), com 8% das intenções de voto cada um. A porcentagem de votos em branco e nulos somou 10%, e os que disseram não saber em quem votarão atingiram 9%.O último levantamento Ibope, divulgado em 17 de março e encomendado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), mostrou o pré-candidato do PSDB a presidente com 35% das intenções, seguido pela pré-candidata do PT com 30%. Ciro registrou 11% e Marina teve 6%. Naquela sondagem, o porcentual de votos em branco e nulos alcançou 10% e o dos que disseram não saber em quem votar ou não quiseram responder somou 8%. De acordo com o "Diário do Comércio", os levantamentos encomendados pela CNI e pela ACSP usam a mesma base de apuração e, logo, podem ser comparados entre si.No cenário sem Ciro, a pesquisa Ibope/Diário do Comércio aponta Serra com 40%, Dilma com 32%, Marina com 9%, em branco e nulos 11% e não sabem ou não opinaram, 9%. Na simulação de um eventual segundo turno entre os pré-candidatos do PSDB e do PT, Serra lidera com 46% e Dilma tem 37%. A maior rejeição apontada pela pesquisa é de Ciro, com 48%, seguido de Marina, com 43%, Dilma, com 34%, e Serra, com 32%.A pesquisa Ibope/Diário do Comércio mostra também crescimento na popularidade do governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Para 76% dos entrevistados, a gestão de Lula é ótima ou boa; para 18%, é regular, e 5% afirmaram ser ruim ou péssima. Na última edição do levantamento, 75% dos entrevistados avaliavam a gestão do presidente como ótima ou boa.A mostra indagou ainda o que os eleitores gostariam que o próximo presidente fizesse. Do total de entrevistados, 35% querem a total continuidade da atual administração, 30% desejam pequenas mudanças com continuidade, 24% querem a manutenção de apenas alguns programas com muitas mudanças e 9% desejam a mudança total do governo do País. Para 75% dos entrevistados, Lula é confiável, enquanto 21% disseram não confiar nele.A pesquisa, divulgada hoje pela página do jornal "Diário do Comércio" na internet (www.dcomercio.com.br) e que será publicada amanhã pela edição impressa, foi realizada com 2.002 eleitores em 141 municípios de todo o Brasil. A margem de erro é de 2 pontos porcentuais para mais ou para menos. Esta pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o protocolo 9070/2010.
Fonte: Agência Estado

Três pessoas morrem em acidentes nas estradas federais de Pernambuco nesta quarta

Dois acidentes graves nas estradas federais que cortam o Estado de Pernambuco foram registrados nesta quarta-feira (21), feriado de Tiradentes (21). Três pessoas morreram. Na BR-101, em Abreu e Lima, um carro gol atropelou e matou uma idosa de 69 anos. Marcelina Soares da Silva estava atravessando a rua quando o veículo a atingiu. LEIA MAIS:» Idosa morre ao ser atropelada por caminhão em Jaboatão» Acidente em São Lourenço deixa dois mortos nesta quartaEm Venturosa, no Agreste do Estado, uma colisão frontal entre um caminhão e um carro golf matou duas pessoas. O motorista do golf, Josemir das Neves Silva, 37 anos e o passageiro Jobson Ferreira de Freitas, 25, morreram na hora. O motorista do caminhão nada sofreu. Outros três acidentes aconteceram nas estradas de Recife, Petrolina e Caruaru, mas sem vítimas fatais.

Homem mata filha de 5 meses e é espancado pela população


Inconformado com a separação imposta pela companheira, um homem matou a facadas a própria filha, de apenas 5 meses, esfaqueou a esposa, de 40 anos, e o enteado, de 11. A barbárie aconteceu às 19h desta quarta-feira (21), em Águas Compridas, Olinda, Grande Recife. Ao tentar fugir após o crime, Iran Rodrigues do Nascimento, 42, foi perseguido por populares e espancado. Ele só não foi linchado porque PMs do Grupo de Ações Táticas Itinerante (Gati) contiveram a multidão.Iran foi levado para a Policlínica Amaury Coutinho, na Campina do Barreto, Zona Norte da capital, para onde também foram encaminhados a companheira dele, Edna Arlinda do Nascimento, o enteado, Artur Henrique da Paz Ramos, e Rafaela Arlinda do Nascimento, 5 meses. “Fomos acionados para socorrer um rapaz que estava sofrendo tentativa de homicídio no Alto Santa Terezinha. Chegamos ao local e nos deparamos com cerca de 200 pessoas batendo nele. Afastamos a multidão e trouxemos o homem para a Policlínica. Só soubemos o que tinha feito quando chegamos no hospital”, explicou o soldado Rogério Gueiros.Segundo uma testemunha, que preferiu não se identificar, o casal, junto há dois anos, se separou no último sábado. “Ele voltou para casa hoje (quarta) dizendo que queria ver a filha. Antes de esfaquear os três, ainda pegou Rafaela nos braços e deu um beijo”, contou. Tão logo foi socorrida para a Policlínica Amaury Coutinho, Rafaela foi transferida para o Hospital da Restauração (HR), no Derby, área central da capital, onde morreu minutos depois. “A cena era triste. A médica que fez os primeiros socorros chorou durante o atendimento”, completou Gueiros. Com ferimentos superficiais, Edna e Artur receberam alta após atendimento na policlínica.Durante toda a noite de ontem, familiares, vizinhos e amigos da família, além de curiosos, queriam invadir a policlínica para espancar o acusado. A polícia precisou de reforço para conter a multidão. Às 23h15, Iran foi transferido para o HR. Boatos de que homens armados aguardavam a transferência para abordar a ambulância e matar o acusado a tiros fizeram com que viaturas da PM fizessem a escolta. Até o fechamento desta edição, à meia-noite, o estado de saúde de Iran era grave. Estava entubado e respirava por aparelhos.

Sport perde para o Galo e dá adeus à Copa do Brasil



Mesmo com o apoio maciço de sua torcida, o Sport não conseguiu reverter o resultado contra o Atlético-MG pelas oitavas de final da Copa do Brasil, na noite desta quarta-feira (21), na Ilha do Retiro. Com um futebol irreconhecível, o Leão foi derrotado por 2x0 e agora concentrará suas forças apenas na conquista do pentacampeonato estadual. Já o Galo pega o badalado time do Santos na próxima fase do torneio. Pressionado pela desvantagem que trouxe do Mineirão, o Leão tentou partir para cima do Atlético no início do jogo. Durante os primeiros minutos os rubronegros dominaram as ações no meio-campo, mas não conseguiam traduzir a maior posse de bola em chances de gol. Desde o início da partida, o Galo deixou claro que exploraria os contra-ataques. Vanderley Luxemburgo resolveu armar a equipe no 3-5-2, com três volantes de marcação. Bem organizado, o time mineiro resisitiu bem à pressão inicial e rechaçou todas as tentativas do Sport.O time de Givanildo conseguia envolver o Atlético até a intermediária, mas, no momento do último passe, esbarrava na barreira formada por Werley, Jairo Campos e Benítez. Aranha só tocava na bola para afastar os cruzamentos alçados de qualquer maneira. Aos 17, Dairo tentou arrematar de fora, mas a bola passou longe.Aos poucos o Galo passou a se soltar, tocar melhor a bola e a rondar o gol rubronegro. Aos 19, em bela trama, o time de Luxemburgo abriu o placar. Após belo lançamento de Zé Luís, Fabiano bateu cruzado, Magrão defendeu parcialmente e Muriqui, sozinho, empurrou para o fundo do gol. Atlético 1x0.Desordenado, o Sport foi para o tudo ou nada para tentar reverter a desvantagem. A equipe mineira seguia bem postada em campo e não dava qualquer chance para Ciro e Dairo na frente. Aos 37, Eduardo Ramos fez boa jogada pela direita e caiu na área. A torcida pediu pênalti, mas Djalma Beltrami mandou o jogo seguir.Um minuto depois, o que já estava difícil ficou ainda mais complicado. Em novo contra-ataque, Diego Tardelli recebeu na esquerda, deu um belo corte no zagueiro leonino, entrou sozinho na área e bateu cruzado para ampliar o placar. O Leão foi para o vestiário precisando de quatro gols para poder se classificar.No segundo tempo, Givanildo voltou com Pedro Júnior e Ricardinho nos lugares de Dairo e César, na tentativa de deixar o time mais ofensivo. Logo no primeiro minuto, Ricardinho mostrou ao que veio e mandou uma bomba obrigando Aranha a fazer grande defesa.Apesar da pressão momentânea do Leão, o Galo não se intimidou e continuou a tocar a bola, para fazer o relógio passar. Aos 14, Luxemburgo colocou o veterano Ricardinho e a revelação Renan Oliveira nos lugares de Correa e Tardelli, para reequilibrar o número de homens no meio de campo. Mesmo com as mudanças, a tática do experiente time mineiro permanecia igual: jogar nos erros do Sport, aproveitando o desespero do time da Ilha. Aos 19, em rápido contra-ataque, Muriqui ficou cara a cara com Magrão, mas o arqueiro leonino salvou o que seria terceiro gol.Apesar da grande desvantagem, o Leão tentava de todas as maneiras chegar ao gol de Aranha, mas a essas alturas nem mesmo a torcida acreditava em qualquer reação. Aos 44, Renan Oliveira ainda teve uma chance clara de fechar o caixão, mas sozinho, de frente para o gol, foi displicente e entregou a bola nas mãos de Magrão.
Ficha TécnicaSport 0Magrão; Igor, César (Ricardinho) e Tobi; Júlio César (Eduardo Ratinho), Daniel Paulista, Zé Antônio, Eduardo Ramos e Dutra; Ciro e Dairo (Pedro Júnior). Técnico: Givanildo Oliveira.Atlético-MG 2Aranha; Benítez, Jairo Campos e Werley; Correa (Ricardinho), Zé Luís, Fabiano (Jonílson), Carlos Alberto e Júnior; Diego Tardelli (Renan Oliveira) e Muriqui. Técnico: Vanderley Luxemburgo.Local: Ilha do Retiro. Horário: 21h50. Árbitro: Djalma José Beltrami Teixeira (RJ). Assistentes: Hilton Moutinho Rodrigues (RJ) e Thiago Gomes Brígido (CE). Gols: Muriqui (A), aos 19, e Diego Tardelli (A), aos 38 do 1º tempo.

segunda-feira, 19 de abril de 2010

Lia e Kadu dão beijaço no show de Ivete Sangalo, no Rio


Brother até tentou disfarçar colocando a mão no rosto da dançarina
Pelo visto, o atual sucesso de Ivete Sangalo, "Na base do beijo", empolgou os ex-participantes do Big Brother Brasil Lia e Kadu. Os dois, que até então vinham propagando uma bela e linda amizade, não resistiram aos apelos da letra de "Veveta", que fez show neste sábado, 17, no Rio, e trocaram um beijaço em cima do trio da cantora.Não é fofo?

Abatido, Roberto Carlos chega ao Rio para enterro da mãe



Emocionado, Roberto Carlos chora ao chegar ao hospital onde sua mãe morreu


Dudu Braga, filho do cantor, e Erasmo Carlos também estiveram no Copa D’or, na Zona Sul do Rio, para se despedirem de Laura Moreira Braga





Emocionado, Roberto Carlos chegou ao Copa D’Or chorando na noite deste domingo, 18. Assim que desembarcou no Rio – o cantor estava nos Estados Unidos para apresentações na cidade de Nova York -, Roberto Carlos seguiu para o hospital em Copacabana, na Zona Sul da cidade, onde sua mãe Laura Moreira Braga faleceu no último sábado, 17. Dudu Braga e Erasmo Carlos, respectivamente filho e amigo de Roberto Carlos, também estiveram no hospital para se despedirem de Laura Moreira Braga.

Segundo a assessoria de Roberto Carlos, o enterro da mãe do cantor será realizado nesta segunda-feira, 19, às 9h, no cemitério Jardim da Saudade, em Sulacape, Zona Oeste do Rio.

Laura Moreira Braga
Aos 96 anos, Lady Laura, como era conhecida,
morreu de insuficiência respiratória aguda, seguida de duas paradas cardíacas. A mãe do cantor estava internada desde o dia 31 de março, no Hospital Copa D’ Or, em Copacabana, na Zona Sul do Rio, com um quadro de infecção pulmonar.No atestado de óbito, assinado pelos médicos Antônio Carlos Moraes e Milton Kazuo Yoshino, consta como causas da morte choque séptico e insuficiência respiratória aguda, decorrentes de pneumonia bacteriana, agravados por insuficiência renal crônica, insuficiência coronariana e arritmia cardíaca.

Náutico tira invencibilidade do Sport e garante a vice-liderança


Com oito titulares poupados para o jogo da próxima quarta-feira (21) pela Copa do Brasil, ficou difícil para o Sport manter a invencibilidade de 49 jogos no Campeonato Pernambucano. No Clássico dos Clássicos, diante do Náutico neste domingo (18), o Leão tropeçou. Com o placar de 2x0, nos Aflitos, o Timbu manteve a vice-liderança no torneio. A tática de Alexandre Gallo de manter o mistério na escalação deu certo. No primeiro tempo, o Náutico começou mais agressivo, mas logo depois, a partir dos 15 minutos, o Sport reagiu, passando a tocar melhor a bola no meio-de-campo. A primeira chance de gol veio do time visitante. Aos 25 minutos, Leandrão foi lançado, invadiu a área e bateu forte, mas Glédson estava lá e fez grande defesa.O Timbu teve duas oportunidades, com Geílson e Derley, mas Magrão defendeu. Carlinhos Bala teambém tentou marcar, com chute forte, mas o goleiro rubro-negro defendeu novamente.
Leandrão foi o homem do Leão no primeiro tempo. Arriscou duas vezes, com belos chutes. Os primeiros 45 minutos, no entanto, não foram de grandes lances, com os dois times mostrando um futebol lento, sem fortes marcações. O Sport levou três cartões amarelos: Isael, Ricardinho e Eduardo Ratinho. SEGUNDO TEMPO - O técnico Alexandre Gallo começou o segundo tempo com uma alteração. Bruno Meneguel entrou no lugar de Tinga. No primeiro minuto, juiz dá pênalti para o Náutico. Geílson caiu na área e o árbitro assinalou para o Timbu. Carlinhos Bala chutou forte e marcou o primeiro gol da partida. Logo depois, Isael fez falta em Zé Carlos, recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso do jogo.Com um homem a menos, o Sport não conseguiu reagir. Aos 16 minutos, Daniel passou a bola para Bruno Meneguel na entrada da grande área, que marcou o segundo gol do Timbu, chutando forte no canto direito de Magrão. Givanildo Oliveira tentou reagir mudando o time. Dairo e Levi saíram para a entrada de Eduardo Ramos e Zé Antônio, respectivamente. No entanto, as substituições não alteraram a partida. O dia era mesmo do Náutico, que dominou completamente o segundo tempo. O Leão terminou a primeira fase do Campeonato Pernambuco na liderança, com 51 pontos, nove a mais que o Timbu. Na próxima fase, o Sport enfrenta o Central, em Caruaru; O Santa Cruz joga contra o Náutico, no Arruda.
LEIA MAISBlog do torcedor:
Superior, Náutico quebra invencibilidade do Sport
FICHA DO JOGONÁUTICOGlédson, Daniel, Vinícius, Diego Bispo e Tinga (Bruno Meneguel); Hamilton, Ramires (Nilson), Derley (Dinda e Zé Carlos; Geílson e Carlinhos Bala. Técnico: Alexandre Gallo SPORTMagrão, César, Igor Maranhão e Tóbi; Eduardo Ratinho, Levi (Zé Antônio), Isael, Ricardinho e André Luís; Leandrão e Dairo (Eduardo Ramos). Técnico: Givanildo Oliveira
Cartões amarelosRicardinho (Sport) Eduardo Ratinho (Sport) Isael (Sport)Daniel (Sport) Cartões vermelhosIsael (Sport) Público: 12.546Renda: R$ 29,2 mil

sexta-feira, 16 de abril de 2010

POLÍCIA APREENDE COCAÍNA EM GARANHUNS



Agentes da Delegacia da Polícia Federal em Caruaru, no Agreste, apreenderam quatro quilos de pasta base de cocaína em Garanhuns. A droga, que seria transformada em cerca de 10 mil pedras de crack, foi trazida de São Paulo por Thaís Maria de Oliveira, 30, que estava com uma filha de um ano e meio. Mais três pessoas foram presas na operação, realizada em conjunto com a Delegacia de Repressão a Entorpecentes, no Recife.
De acordo com a polícia, a droga pertencia a Roberto Tamio Hagatami, 36, residente em São Paulo, que já passou 13 anos preso por tráfico de drogas. Também foram presos Carlos Alberto Silva, 40, e Edvaldo Francisco Santos de Amorim, 24.
A Polícia Federal também registrou um assalto à agência dos Correios de Jucati. Segundo os agentes, dois homens entraram na agência, renderam os funcionários e levaram cerca de R$ 8 mil.Eles fugiram pelo telhado e deixaram os funcionários amarrados. O detalhe é que a agência dos Correios fica localizada ao lado do posto da Polícia Militar.

STF prepara força-tarefa contra crimes de políticos


Uma força-tarefa contra os crimes cometidos por deputados, senadores e ministros está sendo montada no STF (Supremo Tribunal Federal). Uma mudança no regimento, proposta pelos ministros Gilmar Mendes e Cezar Peluso, atual e próximo presidente do órgão, permitirá que uma unidade da Polícia Federal fique à disposição da Corte para tornar mais rápidas as diligências necessárias para julgar os processos contra políticos.A alteração do regimento pode ser aprovada antes que Gilmar Mendes deixe o Supremo, no dia 23. A próxima sessão administrativa do tribunal deverá ocorrer na semana que vem. O objetivo da mudança é regulamentar a tramitação dos inquéritos no STF para torná-los mais rápidos. Atualmente, não existe uma norma interna específica que trate desse assunto e, na opinião de ministros do Supremo, é necessária a aprovação para deixar claros prazos e procedimentos.Essa modificação vai aproximar os ministros, que comandam os inquéritos, dos policiais federais, responsáveis por levar adiante os procedimentos necessários para a coleta de provas, de depoimentos e realização de perícias. Isso deve evitar, por exemplo, que a diligência determinada por um ministro demore meses para ser cumprida ou que a polícia tenha de esperar semanas pela autorização de uma busca e apreensão considerada imprescindível para a solução do caso.

Material de construção terá IPI reduzido até fim do ano


O ministro da Fazenda, Guido Mantega, anunciou nesta quinta-feira (15) que o Governo Federal decidiu prorrogar até o dia 31 de dezembro de 2010 a redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para materiais de construção. A medida venceria no final do primeiro semestre. Segundo Mantega, o objetivo é evitar pressão inflacionária sobre os produtos beneficiados pela redução do imposto. Ele explicou que os consumidores estão concentrando as compras para aproveitar o benefício, o que está gerando pressão sobre a oferta dos produtos - com alguma alta de preços."A construção civil é um negócio de médio prazo. As compras podem ser feitas ao longo de um tempo maior", argumentou o ministro. Mantega não quis estimar qual será o volume da renúncia fiscal, mas acha que não será muito maior do que se a medida fosse mantida até junho, uma vez que as compras serão diluídas até o final do ano.Mantega ressaltou que não é objetivo do governo conceder novamente redução de IPI para outros setores da economia. O ministro participou hoje de almoço com o Sindicato Nacional da Indústria da Construção e da Reparação Naval (Sinaval).

quinta-feira, 15 de abril de 2010

CBF dá ao São Paulo o primeiro penta brasileiro


O título brasileiro do Flamengo conquistado em 2009 teria sido o 5° e não o 6º. O São Paulo, quando venceu o Brasileirão de 2007, seria o primeiro clube a conquistar cinco edições do torneio.
A CBF divulgou na tarde desta quarta-feira que o São Paulo é o primeiro clube pentacampeão brasileiro e, por isso, o que levará a chamada "Taça das Bolinhas". Após um estudo que levou cerca de 20 dias, o departamento jurídico da entidade entregou o parecer ao presidente Ricardo Teixeira, que o encaminhou à Federação Paulista de Futebol.A dúvida sobre a entrega do troféu existia por causa da polêmica sobre a competição de 1987, onde o Sport foi considerado campeão pela CBF na época. O Flamengo, campeão da Copa União, organizada pelas agremiações fundadoras do Clube dos 13, reivindicava o título da temporada."É irrevogável e está decidido. Pela primeira vez foi feito um estudo bastante abrangente e chegou-se a conclusão que quem merece receber a taça é o São Paulo, porque foi o primeiro a chegar ao pentacampeonato. O Flamengo chegou ao quinto título brasileiro agora em 2009. Diante deste estudo que foi feito pelo departamento jurídico já comunicamos à Federação Paulista que vamos fazer uma recuperação da taça porque ela não deve estar muito bem cuidada porque está guardada há muitos anos. Vamos recuperá-la e entregá-la novinha como deve ser", disse o presidente da CBF, Ricardo Teixeira. "Para a CBF o Flamengo tem cinco títulos, os legais, os que foram homologados como campeão", completou o dirigente.ENTENDA O CASO A "Taça das Bolinhas" está em processo final de restauração e será entregue nos próximos dias ao São Paulo, que foi campeão brasileiro pela quinta vez em 2007 (antes, conquistou as edições de 1977, 1986, 1991 e 2006; depois, o hexa em 2008). Em solenidade na Câmara dos Vereadores do Rio de Janeiro no último dia 31 de março, Teixeira confirmou que um estudo estaria sendo feito para dar um ponto final a essa polêmica.A taça seria dada em definitivo ao clube que conquistasse o Campeonato Brasileiro três vezes consecutivas - ou cinco alternadas. Em 1987, o Flamengo foi campeão do módulo verde da Copa União (equivalente à Série A), e o Sport venceu o módulo amarelo (equivalente à Série B) . O regulamento previa cruzamento entre os dois primeiros colocados de cada torneio, mas Flamengo e Inter (o vice-campeão do módulo verde) se recusaram a disputar o quadrangular com Sport e Guarani. A CBF declarou o time do Recife campeão, decisão que foi confirmada em maio de 1994 em uma sentença do Tribunal Regional Federal. Com a confirmação, segundo a entidade, o Sport é o campeão brasileiro de 1987, e o Flamengo, campeão por cinco vezes, nas edições de 1980, 1982, 1983, 1992 e 2009.SÃO PAULO COMEMORAO diretor de futebol do clube, João Paulo de Jesus Lopes, lembrou que o clube já esperava pela decisão, que acabou sendo revelada pelo departamento jurídico da CBF (Confederação Brasileira de Futebol) nesta quarta-feira."Aconteceu o que nós esperávamos. Em conversas com o presidente Ricardo Teixeira e com o diretor Virgílio Elísio no passado, havíamos deixado claro que o São Paulo era o merecedor desse troféu. E agora isso foi apenas oficializado", afirmou o dirigente, em contato telefônico com a reportagem do GloboEsporte.com.SPORT TAMBÉM FESTEJA, MAS LAMENTA DEMORAO presidente do Sport, Sílvio Guimarães, não ficou surpreso com a notícia de que a CBF vai entregar a Taça das Bolinhas ao São Paulo, maslamentou que a decisão tenha demorado tanto. Para o dirigente, o título conquistado pelo Sport, em 1987, já foi reconhecido pela Justiça e não teria como ser destinado ao Flamengo, que se considera o vencedor daquela edição."Desde 1987 esse título foi reconhecido pela Justiça. Há 23 anos lutamos contra o preconceito que se criou com o Sport. Para que esperar tanto? O Flamengo não cumpriu o regulamento, desrespeitou a torcida que comprou ingresso na época. Mesmo sabendo que a Fifa mandou disputar a Libertadores, que tem selo dos correios em homenagem ao Sport, só agora a CBF decreta isso. O clube está tranquilo, pois sempre confiou na Justiça", disse.

Sport perde jogo e invencibilidade na temporada

O Sport até jogou bem, mas não evitou a primeira derrota na temporada, na noite desta quarta-feira (14), em pleno estádio do Mineirão. O Galo venceu o Leão por 1x0 com gol de cabeça do ex-rubronegro Fabiano, aos 43 minutos do primeiro tempo. Agora o time da Praça da Bandeira terá que vencer os mineiros por dois gols de diferença para passar à próxima fase da Copa do Brasil. O jogo de volta está marcado para a próxima quarta (21), na Ilha do Retiro.
As duas defesas estiveram bem postadas no início do jogo, não dando chance aos atacantes das duas equipes. Tanto que até os 20 minutos do primeiro tempo, os lances mais perigosos vieram de bola parada, em jogadas bem parecidas. Aos 5, Magrão fez grande defesa após cabeçada à queima-roupa. Logo em seguida, foi a vez de Igor devolver na mesma moeda. Aranha se esticou todo e mandou para escanteio.Os poucos espaços dados pela defesa rubronegra fizeram com que o técnico Vanderlei Luxemburgo colocasse mais um atacante para tentar furar o bloqueio do Sport. Aos 25, o treinador alvinegro tirou o meia Renan Oliveira e colocou o veterano Marques, deixando o Galo ainda mais ofensivo.Com a entrada do terceiro atacante, o Atlético passou a ter maior domínio e passou a jogar o tempo todo no campo do Sport. Aos 30, após boa tabela, o lateral Leandro entrou sozinho e, frente a frente com Magrão, chutou para fora. Dois minutos depois, foi a vez de Diego Tardelli mandar uma bomba para a boa defesa do arqueiro rubronegro. O Leão apostava nos contra-ataques mas os atacantes Dairo e Ciro pouco puderam fazer.De tanto insistir, o time da casa acabou sendo recompensado. Aos 43, o interminável Júnior levantou a bola na área com precisão. A defesa do time pernambucano não achou nada e Fabiano, ex-Sport, mandou para o fundo do gol em bela cabeçada. Na comemoração, o meia atleticano se limitou a apontar para o céu e agradecer, em respeito, segundo ele próprio, ao ex-clube.No segundo tempo o Sport até tentou pressionar o Atlético, mas o domínio de bola nos minutos iniciais não se traduzia em chances reais de gol. O time mineiro, por sua vez, tocava bem a bola e só atacava quando o Leão proporcionava os espaços na defesa.A partir da metade da segunda etapa, os dois times diminuíram ainda mais o ritmo. O Atlético demonstrava não querer arriscar a pequena vantagem. O Leão também parecia estar satisfeito com o placar e passou a se expor cada vez menos. Givanildo ainda trocou os dois atacantes, Dairo e Ciro por Leandrão e o estreante Pedro Júnior, mas nenhum deles levou perigo real ao gol de Aranha.ADVERSÁRIO - O próximo adversário de Atlético-MG ou Sport deverá ser o badalado time do Santos. Isso porque o time da Vila não tomou conhecimento do Guarani, no primeiro jogo desta terceira fase, e emplacou nada menos do que 8x1 no Bugre. O jogo da volta está marcado para a próxima semana, no Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas. Ficha TécnicaAtlético-MG 1Aranha; Carlos Alberto, Werley, Jairo Campos e Leandro (Ricardinho); Zé Luis, Fabiano (Correia), Junior e Renan Oliveira (Marques); Muriqui e Diego Tardelli. Técnico: Vanderlei Luxemburgo.Sport 0Magrão; Igor, César e Tobi; Júlio César, Daniel Paulista (Ricardinho), Zé Antônio, Eduardo Ramos e Dutra; Ciro (Leandrão) e Dairo (Pedro Júnior). Técnico: Givanildo Oliveira.Campeonato: Copa do Brasil 2010. Local: Mineirão (Belo Horizonte). Árbitro: Meira Ricci (Asp./Fifa/DF). Gols: Fabiano (A), aos 43 do 1º tempo. Cartões amarelos: Diego Tardelli e Muriqui (A), Zé Antônio e Igor (S) Cartões vermelhos: Não houve.

Izaías Régis consegue Ônibus para estudantes de Garanhuns e outras cidades do Agreste Meridional.

Em quatro de novembro de 2009, informamos a população do Agreste Meridional sobre a conquista dos ônibus escolares para os Municípios de Correntes, Saloá, Terezinha, Capoeiras e Garanhuns. A solicitação foi feita pelo Dep. Estadual Izaías Régis, em parceria com o Dep. Federal Armando Monteiro Neto, ao Ministério da Educação que autorizou os recursos através do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).
Já se encontra no pátio do Centro Administrativo de Garanhuns o ônibus que beneficiará diversos alunos da rede pública de ensino da zona rural e urbana do Município. O ônibus tem capacidade para 57 passageiros sentados além de acento especial adaptado para cadeirantes.




Outros Municípios como Capoeiras e Saloá também já receberam este suporte para dar maior segurança aos alunos em seus deslocamentos até a escola. Faltam ainda receber os Municípios de Terezinha e Correntes previsto para este ano.
A conquista só foi possível graças ao Ministério da Educação que executa atualmente dois programas voltados ao transporte de estudantes: o Caminho da Escola e o Programa Nacional de Apoio ao Transporte do Escolar (Pnate), que visam atender alunos moradores da zona rural. O Dep. Federal Armando Monteiro e o Dep. Estadal Izaías Régis estão sempre atentos as oportunidades que possam beneficiar a população do Agrente Merional.

segunda-feira, 12 de abril de 2010

REFORMA DA PRACA IRMAO MIRANDA : Tá no Portal da Transparência do Governo Federal.



A vergonhosa novela da Praça Irmãos Miranda continua um mistério. Sem dar uma só palavra sobre a denuncias que envergonha todos garanhuenses, nem o prefeito, mostrarou interesse em resolver o famoso problema. Acontece que, visitando o Portal da Transparencia do governo federal(Veja Link abaixo), deparei-me com o relatorio de Convênios por Orgãos Concedentes sob o nº:643981, onde consta o convênio para liberação de recursos na ordem de: R$: 195,000,00 (Cento e noventa e cinco mil reais) para a reforma da praça Irmãos Miranda. E aí? esse dinheiro ja saiu? vai sair? vai ter reforma? quando? o convênio foi feito e publicado. Mas, quando é que vão se pronunciar e resolver aquela tristeza urbana em pleno centro da cidade de Garanhuns? Com a palavra os nossos representantes "Politicos".


Convênios por Órgão Concedente
Resumo da Consulta Descrição Valor UF: PE
Município: GARANHUNS

Detalhes do Convênio
Número do Convênio SIAFI:642981
Situação: Adimplente
Nº Original: CR.NR.0267304-00


Objeto do Convênio: REFORMA DA PRACA IRMAO MIRANDA
Orgão Superior: MINISTERIO DO TURISMO
Concedente: CEF/MINISTERIO DO TURISMO/MTUR
Convenente: GARANHUNS PREFEITURA
Valor Convênio: 195.000,00
Publicação: 02/01/2009
Início da Vigência: 30/12/2008
Fim da Vigência: 30/11/2011
Valor Contrapartida: 13.650,00 Data Última Liberação:
Valor Última Liberação: 0,00

Fonte: Link: http://www.portaldatransparencia.gov.br/convenios/convenioslista.asp?uf=pe&estado=pernambuco&codmunicipio=2419&municipio=garanhuns&codorgao
=54000&orgao=ministerio+do+turismo&tipoconsulta=1&periodo=&Pagina=3"

JARBAS JÁ ADMITE VITÓRIA DE EDUARDO


Quem tiver um mínimo de experiência política percebe claramente, na entrevista que Jarbas deu ao JC de domingo (11/04), que ele já antecipa a vitória de Eduardo. Vou citar apenas dois trechos da entrevista para que vocês tirem suas conclusões:JC - Sua saída para Brasília deixou a oposição solta...JARBAS - Eu não sou responsável pela desarticulação da oposição em Pernambuco. Posso não ter trabalhado como deveria. Mas não poderia ser senador atuante e comandar a oposição no estado. Não adianta mais chorar o leite derramado... Eu tomei posse no Senado e Eduardo no governo. E a partir daí houve uma desarticulação.Todos os partidos falharam.... A gente devia ter promovido encontros conjuntos para passar à população que a gente tinha unidade. Nada disso foi feito e NADA DISSO AGORA PODE SER FEITO.JC - O senhor seria candidato ao governo com esta oposição?JARBAS - Isso é uma das questões que estou discutindo, e se estou é porque cogito. Mas é um ambiente EM QUE HÁ AUSÊNCIA, HOJE, DE ESPAÇO PARA UMA CANDIDATURA COMBATIVA... Não precisa ser nenhum analista político PARA CONSTATAR QUE A GENTE VIVE UM PERÍODO INVERNOSO. Mas também se cresce na adversidade. Basta olhar a história.E aí? A que conclusão vocês chegam?A minha conclusão é a seguinte: Jarbas admitiu com todas as letras que Eduardo já pode comprar o terno para sua segunda posse. Ele jogou a toalha, explicitamente, quer participe ou não da disputa. É a crônica de uma derrota anunciada.Sem contar que Lula tá doido que ele entre na disputa para derrotá-lo, sem pena. Já ouvi dizer que, se tem um cidadão que Lula quer derrotar nestas próximas eleições é o senhor Jarbas Vasconcelos, em decorrência da ferrenha oposição que este lhe tem feito.É claro que depois dessa entrevista seus correligionários certamente vão cair de pau em cima dele e, provavelmente, ele vai dizer que a coisa não é bem assim, que ele tem amplas chances de vitória... aqueles desmentidos que já conhecemos. Agora mesmo tá Lula dizendo que não falou mal do Poder Judiciário, que foi mal interpretado... kkkkkkk

GARIS EM PESO CONTRA BORIS CASOY

A Bandeirantes e Casoy foram acionados na Justiça por 800 garis


A Justiça do Rio de Janeiro (RJ) realizou, audiência da ação por indenização movida por garis contra a Band, por comentários sobre a classe feita pelo apresentador Boris Casoy. A sessão foi realizada no 4º Juizado Especial Cível do Rio e não houve acordo entre a emissora e os garis que acionaram o jornalista e o canal.
De acordo com o Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ), cerca de 800 garis entraram com ações contra a emissora pelo comentário do apresentador, feito no dia 31 de dezembro de 2009. Ao todo, 163 ações tramitam na Justiça.
Durante a exibição do "Jornal da Band", sem saber que estava sendo gravado, Boris comentou uma mensagem de ano novo protagonizada por dois garis. "Que m...dois lixeiros desejando felicidades...do alto de suas vassouras. O mais baixo da escala de trabalho", disse o apresentador. No dia seguinte, após intensa repercussão, Casoy pediu desculpas pela declaração.
Como não houve acordo entre a emissora e os garis, o juiz Breno Mascarenhas marcou nova audiência, para o próximo dia 30 de abril, quando será lida a sentença do caso. (Fonte: Portal da Imprensa).

Estado de calamidade pública em Garanhuns


Ação das chuvas caídas nos últimos dias vem castigando o município de Garanhuns. Praticamente todas as ruas desprovidas de pavimentação estão intransitáveis. Os logradouros que contam com o pavimento também apresentam dificuldades. Os sistemas de drenagem e esgotamento sanitário de alguns bairros esta danificado, bem como verdadeiras crateras se formam em áreas que apresentam voçorocas. Este é o panorama da Cidade das Flores, que registrou 129 milímetros de precipitação pluviométrica só nos últimos três dias.

No bairro Jardim Petrópolis, mais precisamente na rua Chico Mendes, a situaç
ão é mais grave. Uma imensa cratera se formou e famílias de 12 (doze) residências tiveram qu
e deixar os seus lares, que correm o sério risco de desabar. A Prefeitura, atendendo recomendação da Comissão Municipal de Defesa Civil, viabilizou todas as condições para que os moradores da área de risco pudessem ser abrigados em locais seguros. O Governo Municipal concedeu um Auxilio Moradia, que beneficiará as famílias até que a área não apresente mais risco. Paralelo a retirada das Famílias, a Prefeitura inicia já nesta segunda-feira, os trabalhos de recomposição da voçoroca e planeja a conclusão das obras de drenagem e pavimentação na localidade.
Além do Jardim Petrópolis, a comunidade da Liberdade também apresenta áreas de risco, sobretudo na Vila 4 de Fevereiro, área marcada pela ocupação desordenada e por construções precárias no tocante a segurança.
Uma Comissão de Técnicos da CODECIPE está em Garanhuns para apoiar a Prefeitura e a Defesa Civil nos trabalhos. A expectativa é de que nas próximas horas seja decretado Estado de Emergência. Para tanto, técnicos da Prefeitura estão percorrendo todas as ruas que apresentam problemas para computar os estragos e realizar o registro
fotográfico.

Sport vence e rebaixa o Sete de Setembro


O Sport manteve sua invencibilidade ao derrotar o Sete de Setembro por 1x0, neste domingo, na Ilha do Retiro, pela 21ª e penúltima rodada da fase classificatória do Campeonato Pernambucano. Para o Sete não foi apenas uma simples derrota: o time de Garanhuns está agora rebaixado à Segunda Divisão do Estadual, ao se manter na lanterna da competição, com 16 pontos e apenas três vitórias.Líder isolado, com 51 pontos, e classificado em primeiro lugar para a fase semifinal, o Sport chegou ao seu 48º jogo sem perder no Pernambucano em pouco mais de dois anos.
Numa posição mais do que cômoda e atuando em casa, o Sport começou tranquilo e não demorou para abrir o marcador. Primeiro tentou com Dairo que, com um chute forte, buscou mudar o placar logo nos primeiros segundos. Aos 5 minutos, aconteceu o único gol da partida, através de Eduardo Ramos - o meia também chegou perto de ampliar aos 31, porém o goleiro Leo defendeu. Da parte do Sete, o melhor momento aconteceu logo no fim da primeira etapa - aos 44, Nenê ficou frente a frente com o gol, mas desperdiçou a oportunidade.Sem mudanças nas equipes, o segundo tempo teve um início dominado pelo Sete, mais aguerrido do que o Leão e chegando mais próximo à grande área, quando na primeira etapa seus chutes eram mais de longe. Um exemplo do avanço dos garanhuenses aconteceu aos 8, com Magrão defendendo cobrança de escanteio. Três minutos depois, o volante Levi, de 19 anos, fez sua estreia como profissinal, substituindo Isael, que deixou o campo machucado. Aos 32, Romário desperdiçou boa chance de empatar para o Sete, errando o cruzamento. Outra oportunidade aconteceu aos 35 - em falta perigosa, Wellington mandou para fora.Na última rodada, Sport joga o Clássico dos Clássicos com o Náutico, próximo domingo (18), às 16h, nos Aflitos. No mesmo horário, o Sete recebe o Central, no Gigante do Agreste, em Garanhuns.Ficha do jogo: Sport: Magrão; Igor, César e Tobi; Eduardo Ratinho, Isael (Levi), Eduardo Ramos, Ricardinho (Odair) e André Luiz; Dairo (Everton Felipe) e Leandrão. Técnico: Givanildo Oliveira. Sete de Setembro: Leo; Roma, Diego, Índio, Felipe e Nenê; Amaral (Novito), Nau e Tiago Lima (Alanzinho); Dinda (Romário) e Wellington. Técnico: Neto Maradona.Gol:Eduardo Ramos - 05min (1T), pelo Sport.Cartão amarelo:André Luiz - 41min (1T), pelo Sport.Público total: 8.016Renda: R$ 19.146Local: Ilha do Retiro. Horário: 16h.Árbitro: Gleydson Leite. Alcides Lira e Wilton Lins.Assistentes: Alcides Lira e Wilton Lins.

Localizados corpos de meninos mortos em Luziânia

O pedreiro Adimar de Jesus, de 40 anos, morava perto das vítimas que matou a pauladas.


o assassino em série indicando o local onde enterrou os corpos. O pedreiro Adimar de Jesus, de 40 anos, morava perto das vítimas que matou a pauladas.Os corpos foram encontrados em uma fazenda em Luziânia, Goiás, a 70 quilômetros de Brasília. Os corpos foram encontrados 100 metros abaixo, no fundo de um vale. Eles foram enterrados próximos uns dos outros, num raio de 30 metros.Diego, de 13 anos, foi o primeiro a desaparecer no dia 30 de dezembro do ano passado. Depois sumiram Paulo Victor, de 16 anos, George, de 17, Divino, de 16, Flávio, de 14 e no fim de janeiro, Márcio Luiz, de 19 anos. “Ele oferecia pequena quantia em dinheiro para que os menores, os adolescentes os acompanhassem para realizar um pequeno serviço e daquele pequeno serviço, a conversa evoluia para o contato sexual", diz o chefe da Policia Judiciária, Josuemas Vaz de Oliveira. Adimar já havia ficado preso em Brasília por mais de quatro anos por pedofilia. Ele foi solto em dezembro do ano passado, beneficiado pelo progressão de pena, direito dado a presos de bom comportamento. Apesar de um laudo psiquiátricos atestarem que ele apresentava sinais de psicopatia. Uma semana depois fez primeira vítima. Para o Ministro da Justiça houve falha na soltura de Adimar. “Não posso dizer, identificar quem especificamente falhou, mas há uma falha desse sistema de reintegração social. Nós precisamos corrigir", diz Luiz Paulo Barreto. Foram quase três meses e meio entre o primeiro assassinato e a prisão de Adimar. “Houve uma resposta, a resposta de esclarecimento e mais do que tudo a oportunidade de punir esse cidadão, retirá-lo do convívio social pra que ele não volte mais a praticar crimes dessa natureza", conta o ex-secretário de segurança, Ernesto Roller. Para as famílias, restou a dor. “É horrível saber que ele não vai voltar mais pra casa", revela Aldenira, mãe de Diego. “A gente imaginou que Luziânia inteira ia fazer uma festa. E não um velório", conta Lúcia Maria de Souza Lopes, irmã de Márcio.

sexta-feira, 9 de abril de 2010

VI EDIÇÃO DO FEMUARTE VAI ACONTECER.

Depois de muitas especulações sobre a realização do Festival de Música e Arte de Garanhuns viemos informar que o evento vai acontecer.
O Dep. Izaías Régis conseguiu recursos através do Governo Federal – Ministério do Turismo, do Governo de Pernambuco e o apoio do Governo Municipal para a realização da VI edição do FEMUARTE em 2010.

O evento vai acontecer na Esplanada Cultural Guadalajara, nos dia 23 e 24 de abril do corrente ano. Grandes atrações subirão ao palco:
Sexta-feira: Gilberto e Banda, L100 e Jota Quest.
Sábado: Alexandre Revoredo, Valvulados, Anjos Dourados e Fábio Jr.
Além de boa música, no espaço do evento, o público vai poder conferir a feira de artesanato e se deliciar na praça de alimentação.
O FEMUARTE mudou o formato este ano: não haverá a participação dos artistas que concorriam a premiações, porém a produção do evento informa que no próximo ano voltarão às inscrições normalmente.
A expectativa de público para os organizadores é de 80 mil pessoas nos dois dias do evento.
O Dep. Izaías Régis afirma que “a realização do Festival de Música e Arte é uma vontade da população de Garanhuns. Não poderia deixar de buscar incentivos para realizá-lo. O comércio local, a rede hoteleira, os restaurantes, o comércio informal só têm a ganhar com a realização deste evento e de outros que acontecem durante todo o ano aqui em nossa cidade. Darei total apoio nos eventos culturais do Município, pois acredito no potencial turístico de Ga
ranhuns”.

quinta-feira, 8 de abril de 2010

Requerimento do Vereador Gersinho Filho

REQUER, Ao Chefe do Poder Executivo, viabilização através de decreto a liberação do uso do espaço publico para desfile de carnaval fora de época “Garanheta”, evento fundamental para o calendário turístico do Município.


REQUEREMOS à Mesa, ouvido o Plenário e cumprido, as formalidades regimentais, que seja formulado ao Chefe do Executivo Municipal, Exmo.Sr. Luiz Carlos de Oliveira, a liberação do uso do espaço publico para desfile de carnaval fora de época “Garanheta”, evento fundamental para o calendário turístico do municipio.
Caso aprovado o presente requerimento, solicitamos que seja dado conhecimento do mesmo a autoridade mencionada, a Secretaria de Turismo, a Ouvidoria do Município, bem como a imprensa local.


JUSTIFICATIVA

Justifica-se o presente requerimento, tendo em vista que eventos desse porte trás consigo, inúmeros benefícios para nosso município. Até mesmo os grupos contrários a sua realização reconhecem a importância do evento para nossa cidade. A geração de emprego e renda é um dos grandes benefícios que podemos citar. Assim como também é importante ressaltar a divulgação turística de nossa cidade são fortemente identificados como fator positivo para sua realização. Sendo a expectativa dos organizadores de que mais de 80mil pessoas se reúnam a cada noite de festa e mais de 5mil empregos diretos e indiretos sejam gerados, tornando o evento fundamental para o nosso calendário turístico do município, aquecendo sua economia com geração de emprego e renda. A volta dos trios para a Avenida é uma reinvidicação antiga dos foliões, tornando o evento muito mais democrático que os Eventos do Indor, pois neste,apenas as pessoas que possam custear o abadá podem assistir o evento, enquanto a Ganhanheta, as pessoas que não podem custear os abadas, assistirão também o evento.
Sendo assim, esta ação seria de fundamental importância para o calendário turístico e lazer de sua comunidade.


PLENÁRIO VEREADOR ÁLVARO BRASILEIRO VILA NOVA, EM 07 DE ABRIL DE 2010.


_______________________________________________
Gerson José de Carvalho Souza Filho
(Gersinho Filho)
VEREADOR

Requerimento do Vereador Gersinho Filho

REQUER, voto de pesar pelo falecimento do Professor Álvaro Moreira da Costa, ocorrido no ultimo dia 25 de março do corrente ano.


REQUEREMOS à Mesa, ouvido o Plenário e cumprido, as formalidades regimentais, que seja consignado nos Anais do Poder Legislativo, um voto de profundo pesar pelo falecimento do professor Álvaro Moreira da Costa.


JUSTIFICATIVA

O Professor Álvaro Moreira da Costa deixa um grande vazio nos corações dos entes queridos, vindo a falecer na última quinta-feira, dia 25 de março do corrente ano, bem como na cultura de nossa cidade, já que por muitos anos desempenhou a distinta profissão de docente em nosso município.
Sempre pautado pela serenidade e atenção para com todos os que o conheciam, sua falta se fará presente em nosso município. Fazendo esta casa uma homenagem justa e sincera neste momento de consolo para seus familiares.



PLENÁRIO VEREADOR ÁLVARO BRASILEIRO VILA NOVA, EM 29 DE MARÇO DE 2010.



_______________________________________________
Gerson José de Carvalho Souza Filho
(Gersinho Filho)
VEREADOR

segunda-feira, 5 de abril de 2010

Sport vence a Cabense por 3x1 e se classifica em primeiro para as semifinais


O Sport voltou a vencer a Cabense neste Pernambucano ao fazer 3x1 sobre o time do Cabo de Santo Agostinho na tarde deste domingo (4), no Gileno de Carli, em partida válida pela 19ª rodada da competição - no primeiro encontro, há quase dois meses, pela oitava rodada, o Leão venceu por 2x0. Com o resultado, o Sport garantiu a passagem para as semifinais como primeiro colocado - o time chegou a 47 pontos, marca que não poderá mais ser alçançada faltando apenas três rodadas para o fim desta fase classificatória.
O primeiro tempo começou com o goleiro Magrão espalmando um ataque da Cabense, com Felipe, aos 3 minutos, mas não demorou para o Sport impor o ritmo do jogo. Dois minutos depois, Leandrão, de cabeça, tentou abrir o placar, objetivo alcançado em seguida: aos 6 minutos, num lançamento cruzado de Dairo, o atacante fez 1x0 para o Sport. Aos 27 minutos, o juiz assinalou cobrança de pênalti ao flagrar Leandrão sendo puxado por Oliveira. De pênalti, Júlio César marcou o segundo gol rubro-negro. Apesar da soberania no placar, o Leão continuou buscando mais. Da parte da Cabense, aos 43 minutos, Flávio Caça-Rato teve chance de diminuir o placar, mas acabou mandando a bola fracamente em direção ao gol, para defesa de Magrão.O segundo tempo começou com um bom ataque de Dairo, disposto a aumentar o placar para o Sport, mas Ibson defendeu. Aos 15 minutos, Ricardinho, de escanteio, levantou para Leandrão marcar o segundo dele e o terceiro do Sport na partida. Aos 31 minutos, Flávio Caça-Ratos marcou para a Cabense e diminuiu o placar.Na 20ª rodada, o Sport receberá o Ypiranga na Ilha do Retiro na noite da próxima quarta (7). Já a Cabense receberá no Gileno de Carli o Porto, às 20h30.Ficha do jogoCabenseIbson; Felipe, Leo Gama, Oliveira; Evanilson, Márcio; Dinho (Tiago), Cléber Gaúcho, Klebson (Vitinho) e Ailton; Flávio Caça-Rato (Maricá). Técnico: Rogério Ziemmerman.SportMagrão; Júlio César (Eduardo Ratinho), Igor (Ígor Maranhão), Tobi, Dutra e Cesar; Zè Antônio, Ricardinho (Odair) e Daniel Paulista; Leandrão e Dairo. Técnico: Givanildo Oliveira.Gols:Leandrão - 06min (1T) e 15min (2T) - e Júlio César - 28min (1T) -, pelo Sport.Flávio Caça-Rato - 31min (2T) -, pela Cabense.Cartões amarelos:Flávio Caça-Rato - 11min (1T), Oliveira - 27min (1T), Aílton - 29min (1T) pela Cabense.César - 04min (2T), pelo Sport.Público total: 5.130Renda: R$ 21.000.Árbitro: Carlos Costa. Assistentes: Erich Bandeira e Elan Vieira.Estádio: Gileno di Carli, no Cabo de Santo Agostinho.

Mãe de Roberto Carlos tem leve melhora, mas continua na UTI


Lady Laura está internada desde a quarta-feira, 31, no Hospital Copa D'or, no Rio
O Hospital Copa D'or, no Rio, divulgou no início da tarde desta sexta-feira, 2, um novo boletim médico sobre o estado de saúde da mãe do cantor Roberto Carlos, Laura Moreira Braga, de 94 anos, mais conhecida como Lady Laura.

Segundo o informativo, a paciente apresentou uma discreta melhora no seu estado geral, mas continua internada na unidade de tratamento intensivo do hospital.

A mãe do cantor foi
internada na madrugada da quarta-feira, 31, com um quadro de infecção pulmonar. Tanto na quarta-feira, 31, quanto na quinta-feira, 1º, o cantor esteve no hospital para visitar a mãe e acompanhar seu estado geral de saúde.

Confira todas as informações contidas no boletim médico divulgado pelo hospital: "A paciente LAURA MOREIRA BRAGA permanece internada na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Copa D´Or, com diagnóstico de infecção pulmonar. Encontra-se em estado grave, porém, hoje, apresenta discreta melhora do estado geral. Ainda com respirador artificial e tratamento com antibióticos".

sábado, 3 de abril de 2010

O médium que mudou vidas


O homem que saiu de cena para dar lugar ao mito parece mais vivo que nunca. Francisco Cândido Xavier, que se estivesse vivo completaria nesta sexta-feira (2) 100 anos, partiu em 30 de junho de 2002 para o mundo invisível que ele desvendou por mensagens orais e principalmente escritas, ditadas por espíritos. O Brasil perdeu um de seus maiores ícones religiosos, notabilizado pela mediunidade e pela doação a famintos do corpo e da alma. Mas suas sementes florescem. O Grupo Espírita da Prece, fundado por ele em Uberaba (MG), continua oferecendo mensagens, orações e pão, como o médium fazia. Pessoas que estiveram com ele se entregam a uma vida renovada, como mostra a primeira das reportagens da série que o Jornal do Commercio publica até domingo (4).Perto ou longe, o homem simples, considerado o maior fenômeno mediúnico do País, provocou mudanças na vida de diferentes gerações de pernambucanos. A primeira vez que o psicólogo Sílvio Romero Melo, 43 anos, encontrou Chico Xavier foi em 1985. Viajou a Uberaba (MG) apenas pelo desejo de conhecê-lo, mas não estava preparado para a surpresa que o aguardava. Diante de uma multidão de mais de 2 mil pessoas, em frente à Casa da Prece – como o grupo fundado por Chico também é conhecido –, já tinha perdido a esperança de ser atendido naquele dia quando, de repente, o portão abriu e um homem perguntou quem era Sílvio Romero, do Recife. “Eu levantei a mão e o homem me disse que Chico queria falar comigo”, lembra.Diante do médium, o psicólogo diz que sentiu uma emoção inimaginável, “como encontrar o self, o eu perfeito”. Chorou e foi consolado por Chico Xavier, que informou que “dona Aderly” estava ali. Como Sílvio Romero não entendeu de quem se tratava, ele explicou que esse espírito era a mãe da criança que a família do psicólogo tinha adotado no Recife recentemente. “Ela quer agradecer por vocês terem ficado com Irenilda”, disse Chico. Meio desapontado, Sílvio argumentou que o nome da menina era Marília. “Esse é o nome que vocês deram a ela, mas a mãe está dizendo que a batizou com o nome de Irenilda”, reafirmou o médium mineiro. Na volta ao Recife, bastou uma visita ao Hospital Oswaldo Cruz, onde mãe e filha estiveram internadas, para comprovar a veracidade da informação.Sílvio ainda teve outra surpresa, quando o médium anunciou que “o doutor Severino”, pai dele já falecido e de quem não tinha falado, também estava ali com eles. Esse foi o primeiro de muitos encontros. O mais dramático, no entanto, foi em 1993. Depois de receber o diagnóstico de um câncer muito agressivo, o psicólogo buscou conforto no médium mineiro para aceitar a morte iminente. “Cheguei todo choroso e disse: Chico, estou com câncer!” Ele respondeu: “E daí, eu tenho angina, catarata e estou aqui trabalhando”. Quando o psicólogo perguntou se o certo não seria aceitar a morte, a resposta do médium foi taxativa: “O espiritismo é uma doutrina de vida, não de morte. E ninguém sabe quando é o dia de morrer. Temos que lutar pela vida”, afirmou.Nessa hora, o reconhecido bom humor do médium se manifestou. “Se Deus te chamar, você diz que não vai, que quer aprender mais. Qual é o pai que nega aprendizado ao filho?”, arrematou. Ficou curado de corpo e alma. “Ele nos fazia viver um grande milagre, de fazer a cruz tornar-se ponte. O jugo, uma parceria com o amor”, acredita. O último encontro foi em janeiro de 2002, seis meses antes da morte do médium, quando ele já demorava 25 minutos para psicografar um poema pela dificuldade de empunhar o lápis. O psicólogo acredita que, num mundo onde prevalecem mecanismos de fuga, Chico Xavier atraía tanta gente pela atitude de sacralização. Para ele tudo era sagrado: a família, a pátria, o amigo e até o inimigo.”PAZ - A também pernambucana Delma Oliveira, 66, conta que aprendeu muito apenas com o contato com Chico. “O ambiente da Casa da Prece era humilde, mas envolto de uma paz profunda. Impressionante também a mão dele, cheguei a tocá-la e não parecia de carne”, descreve Delma, residente no Recife.A educadora, hoje aposentada, não conseguiu a mensagem do filho morto que foi buscar com Chico Xavier. Mas voltou de Uberaba, há 24 anos, renovada, sem o desespero causado pela perda inesperada. Vendo a assistência que Chico prestava a outras mães e ouvindo seus conselhos, teve certeza sobre a imortalidade da alma e da comunicação entre mortos e vivos. Surpreendida dez anos mais tarde pelo falecimento do seu caçula, aos 23 anos e recém-formado em medicina, ocupou as horas de saudade com o atendimento fraterno a desconhecidos sofredores, retribuindo o mesmo consolo que ela encontrou no médium mineiro.Delma esteve com Chico Xavier em 1986. Embora já frequentasse casas espíritas, entrou em desespero quando viu o filho mais velho, de 29 anos, morto acidentalmente por uma bala perdida. A dor a fez procurar consolo em Uberaba. Oito meses depois seguiu sugestão de uma amiga e foi em busca de uma das cartas que Chico diariamente escrevia, ditadas por espíritos. Deixou o Recife com o filho caçula, de 13 anos. Chegou à Casa da Prece às 17h e esperou até as 20h pelo início da reunião. “Chico sentou-se ao centro de uma mesa longa. A reunião começou às 20h e só terminou às 3h da madrugada. Durante todo esse tempo ele psicografava, enquanto trabalhadores da casa comentavam o evangelho”, relembra. Terminada a leitura das cartas, Chico ainda continuou o atendimento, cumprimentando um a um, embaixo de uma árvore, até surgirem os primeiros raios de sol. Ela esperou sua vez e questionou por que o filho não havia se comunicado, quando o de outras mães tinham enviado mensagem. “Minha irmã, confia em Deus, que ele está sendo assistido. O telefone não toca daqui para lá, mas de lá para cá”, disse a ela Chico Xavier. Ela voltou conformada e seis anos mais tarde teve uma surpresa no Recife. Num encontro com outro médium mineiro, que tinha vindo a Pernambuco participar de um evento espírita, Delma recebeu a mensagem do filho que tanto queria. O texto foi psicografado por Carlos Bacelli, que trabalhou com Chico e mantém o trabalho de cartas consoladoras.